Sobre acessibilidade

Serviços

06/02/2018 - 13:30

Para receber quatro horas de tratamento na máquina de hemodiálise, a castanhalense Maria das Dores Soares, 64 anos, tinha duas opções: esperar uma vaga para atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) em Castanhal ou sair de casa às 3h da manhã e enfrentar horas de trânsito até Belém, onde poderia fazer o procedimento em um hospital particular. Hoje essa realidade mudou. Nesta quinta-feira (1), Maria das Dores foi a primeira segurada do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Pará (Iasep) a realizar o tratamento pelo plano em uma clínica de Castanhal.

“Eu saía de casa às 3 horas da manhã. Meu primeiro período foi de 6h as 10h, lá em Belém. Nesse período eu estava de volta em casa umas duas horas da tarde. Aí eu passei a fazer no terceiro turno; entrava 18h e saía 19h30, às vezes até oito da noite. Aí a gente ia pro terminal e de lá eu vinha de ônibus. Chegava aqui era quase meia-noite”, lembra Maria das Dores, ao falar dos quatro meses em que usou a máquina de hemodiálise em Belém.

No primeiro dia de tratamento em Castanhal, ela entrou na clínica às 10h da manhã e por volta das 14h já estava encerrando o tratamento. Também operada do coração, dona Maria elogiou os serviços da clínica e o benefício de fazer o tratamento perto de casa e de sua família.

O atendimento aos renais crônicos através do Iasep iniciou com 12 pacientes já inscritos na Clínica de Nefrologia de Castanhal. Com 68 máquinas de última geração, a Clínica possui capacidade para atender 408 pacientes em hemodiálise. "Desse total, 108 vagas estão reservadas para os segurados conveniados, sem qualquer fila de espera para o tratamento", explica a enfermeira Reneude Torres, gerente-administrativo da Clínica.

Segundo a enfermeira, ao realizar o tratamento no próprio município, “o segurado do Iasep ganha tranquilidade e conforto no atendimento, uma vez que anteriormente ele tinha que fazer o tratamento dialítico em Belém e isso leva a um desgaste emocional e físico, já que o tratamento dura 4 horas”. Com mais de 10 anos de experiência na área da saúde, a profissional explica que o paciente pode ter intercorrências na viagem. “O trajeto de Belém a Castanhal é longo, um trânsito caótico em que ele vem passando mal, muitas vezes, dentro do carro”, complementou.

“O atendimento na clínica castanhalense beneficia também aos pacientes de outros 30 municípios da região, que encontram ali uma opção segura de tratamento sem ter que enfrentar o trajeto intenso até a Região Metropolitana de Belém”, diz a presidente do Iasep, Iris Gama.

De acordo com a gestora, essa é a primeira clínica credenciada pelo Iasep a realizar o serviço de hemodiálise fora da capital. "O que só é possível com a existência de um hospital credenciado, com aporte de UTI, próximo à clínica, pronto para receber um paciente que tenha alguma intercorrência no tratamento", reforça Iris Gama.

A gerente da clínica afirma que o atendimento aos segurados de planos de saúde é o mesmo ofertado aos pacientes do SUS, com a diferença de não haver espera. “O segurado do Iasep tem a garantia de atendimento imediato. A fila é zero. Basta que ele venha até a clínica com o laudo e nos entregue para que a clínica agende o atendimento”, garante Reneude.

Moradora de Garrafão do Norte e paciente do SUS, Antônia Cleidiane de Oliveira, 27 anos, é uma das pacientes que elogiam a estrutura e o atendimento da clínica. “Achei maravilhosa a estrutura da clínica, bem confortável”, afirma.

De acordo com o nefrologista Antônio Dantas Silva Júnior, diretor da empresa, a Clínica de Nefrologia de Castanhal é a maior da região Norte a oferecer o tratamento de hemodiálise. “Nós temos hoje uma clínica padrão, com todos os requisitos necessários definidos pela Vigilância Sanitária, com todos os níveis de aprovação, com equipamentos novos e, principalmente, com um corpo clínico adequado, capacitado e multiprofissional, para atender da melhor forma possível a esses pacientes”, afirma o diretor. O quadro profissional da clínica é composto por médicos, nutricionistas, psicólogos, assistentes sociais, enfermeiros e técnicos em enfermagem, “que juntos trabalham para que esse paciente possa ser atendido em todas as suas necessidades”, diz ele.  

Serviço: a Clínica de Nefrologia em Castanhal fica localizada na Rua Inácio Coury Gabriel Filho, nº 419. Telefone: (91) 3711-5953, 3711-4969.

Fonte: Agência Pará

Tags: