Sobre acessibilidade

Serviços

31/03/2021 - 15:00

 

Foi prorrogado, até pelo menos 30 de abril, o prazo da normativa que garante dispensa de autorização prévia para vários procedimentos de saúde no Plano Iasep. Diversos exames e terapias sequencias continuarão sendo autorizados diretamente na rede credenciada, sem exigir a presença anterior dos segurados no órgão para obter a validação das guias.  A medida visa evitar a circulação de pessoas no órgão, como medida de prevenção à Covid-19.

Os procedimentos que seguem dispensando autorizações prévias estão listados abaixo. Procedimentos não listados continuam requerendo a solicitação de autorização presencial. O horário de funcionamento da autarquia permanece de 8h às 14h. Em Belém, o atendimento ao público agora funciona na Av. João Paulo II, nº 277, entre Chaco e Curuzu.

- Terapias sequenciais (hemodiálise, fisioterapia/RPG, psicoterapia, fonoterapia, terapia ocupacional);

- Exames cardiológicos;

- Exames oftalmológicos (exceto OCT e retinografia fluorescente binocular);

- Exames otorrinolaringológicos (exceto por vídeo);            

- Exames de diagnóstico por imagem: raio X, ultrassonografia (com ou sem doppler), tomografia computadorizada sem contraste e sem anestesia, ressonância magnética sem contraste e sem anestesia, endoscopia sem anestesia, mamografia, densitometria.

Aumento de cotas – Ainda como medida preventiva, segurados incluídos em 2020 nos Programa de Procedimentos Adicionais nos pacotes de neoplasias (câncer), doenças do aparelho circulatório e cardiovascular, diabetes e doenças do aparelho genitourinário (como insuficiência renal crônica) tiveram seus cadastros automaticamente atualizados este ano (saiba mais AQUI). 

Continua sendo possível pedir o aumento de cotas por e-mail. O pedido deve ser realizado por meio do endereço iasepassistenciasocial@gmail.com, anexando, em versão digitalizada, laudo médico, exame que comprove a doença ou condição, e cartão do plano. O segurado deve também escrever na mensagem seu endereço completo, incluindo município onde reside, e telefone para contato.

 

Texto: Ádria Azevedo (Núcleo de Comunicação/Iasep)

Foto: Marcelo Seabra (Agência Pará)