Sobre acessibilidade

Serviços

09/08/2019 - 16:15

 

“Super pai”. Esse foi o tema do evento que o Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Pará (Iasep) realizou na manhã desta sexta-feira (9), em comemoração ao Dia dos Pais. A celebração foi voltada aos pais que fazem parte da equipe de trabalhadores do instituto. O tema fez alusão ao que representa a figura paterna na vida dos filhos, como a representação de um super-herói.

Foi uma manhã alegre e descontraída, com programação composta por sorteios de presentes, distribuição de brindes e brincadeiras, a exemplo do campeonato de embaixadinhas. Foi exibido um vídeo com fotos dos pais do órgão e seus filhos, e servido um delicioso café. “Achei o evento ótimo, foi muito bonito. O café da manhã estava muito bom, gostei bastante da homenagem para nós, pais”, disse o agente de serviços gerais Matos Trindade. “Adorei a realização de brincadeiras esse ano, foi uma ótima distração", opinou César Cavalcante, servidor mais antigo do órgão, com 47 anos de casa, e premiado durante o evento como o pai mais idoso presente.

O diretor administrativo e financeiro Anízio Bestene falou sobre a grande responsabilidade de ser pai. “Ninguém nasce sabendo ser pai, isso é algo que vamos aprendendo com o tempo, seja com filhos de sangue ou do coração. Nossa função é ensiná-los o que é certo e o que é errado, mas há momentos em que eles passam a nos ensinar também”, pontuou.

Para o assistente administrativo Jonaty Furtado, ser pai é estar presente na vida dos filhos a todo momento. “A mensagem que deixo para os pais é que se coloquem no lugar dos filhos e estejam ao lado deles, tanto nos dias ruins como nos dias bons, e principalmente nessas datas, porque os filhos precisam disso. Hoje eu tive a experiência maravilhosa de ir na escola da minha filha, quando ela não esperava que eu fosse, porque eu disse que vinha trabalhar. Quando ela me viu, começou a lagrimar. Então, eu peço para os pais valorizarem mais esse sentimento”, finalizou.

 

Texto: Thâmara Magalhães, sob supervisão de Ádria Azevedo

Foto: Ádria Azevedo

(Núcleo de Comunicação/Iasep)